Use o e-mail como “User-Id” para acompanhamento Cross-Device no GA

Use o email com md5 no userid do google analytics

UPDATE 04/10/2017:

O post anteriormente estava convertendo o e-mail em um Hash Md5. O Felipe Proto me chamou a atenção para um ponto importante:  O algorítimo mínimo que o Google exige para informações pessoalmente identificáveis é SHA256. Desse modo, atualizei o post para criptografar o e-mail em SHA256, e não mais em MD5. https://support.google.com/analytics/answer/6366371?hl=en

Agradeço ao Felipe!

 

Esse post surgiu a partir de uma dúvida do Rafael Silvério no grupo Web Analytics do WhatsApp

A dúvida foi a seguinte:

Alguém usa alguma integração para enviar/coletar o user id do ga?
Eu tenho praticamente 3 frentes de conversões (WordPress, RD e sistema próprio) e precisava “integrar” esses usuários. O meu problema é gerar o id único para um usuário que pode converter em todas esses 3 sistemas

Por padrão, o Google Analytics identifica os acessos ao seu site a partir de cada dispositivo como um usuário diferente

Ao habilitar o User-Id, você estará informando ao GA que o cliente Joãozinho que está acessando pelo celular é o mesmo Joãozinho que está acessando agora pelo desktop.

Com isso, terá uma maior compreensão sobre a jornada de compra no seu E-commerce

Ele te permitirá saber, quem, por exemplo iniciou a navegação em um celular, e finalizou uma compra no desktop (ou até mesmo 3, 4 dispositivos)

 

Para o recurso funcionar, você deverá informar o mesmo Id de usuário para os 2 acessos (desktop e celular)

Você pode usar por exemplo o ID do usuário da sua plataforma de E-commerce, ou do CRM, porém, a medida que mais plataformas são adicionadas, você não conseguirá ter um ID único entre as várias plataformas

Uma solução é utilizar o e-mail como ID do usuário. Na maioria dos cenários para o e-commerce, cada e-mail pertence a apenas um usuário.

Porém, temos um problema aqui: O Google Analytics não permite que uma informação pessoalmente identificável seja utilizada como User-Id, e o e-mail e uma informação (altamente) pessoalmente identificável

O que faremos então?

Usaremos o e-mail do visitante como User-Id, porém, iremos criptografá-lo como um Hash SHA256, desse modo, deixará de ser um dado pessoalmente identificável, e poderá ser usado como ID do usuário

Pegaremos o e-mail digitado pelo visitante em um formulário no seu site, em seguida armazenaremos esse e-mail na Local Storage do Browser, para que nos acessos futuros possamos setar o User-Id do visitante no código de acompanhamento do GA

Vamos ao trabalho!

 

Código para captura do E-mail

Capture o e-mail do visitante

Você deverá capturar o e-mail do visitante assim que tiver acesso a ele

No exemplo abaixo estou capturando o e-mail do visitante assim que ele clica no botão cadastrar de um formulário de cadastro:

Transforme o e-mail em um Hash SHA256 (Criptografe-o!)

Transformaremos o e-mail do usuário em um Hash SHA256.

Esse processo irá criptografar o e-mail, para que não seja pessoalmente identificável.

Porque faremos isso? Porque o Google Analytics não permite que uma informação pessoalmente identificável seja utilizada como User-Id

Armazene o Hash SHA256 no Local Storage do Browser

O Local Storage funciona de forma pareceida com um cookie.

Ele irá armazenar o nosso User-Id, para que nos acessos futuros possamos seta-lo no código de acompanhamento do GA

O código final para captura e armazenamento do e-mail do visitante é esse aqui:

 

Código de acompanhamento

Configure o User-Id no código de acompanhamento

Agora que você já armazenou o e-mail do visitante, é hora de resgatá-lo para envio ao GA, por meio do código de acompanhamento

O seu código de Tracking ficará assim:

 

Criar uma vista de relatórios do User-ID

Os dados do User-ID só podem aparecer em uma vista de User-ID dedicada. Por isso, será preciso criar uma nova View, e ativar o acompanhamento de User-ID

1 – Clique em Criar.
2 – Insira um nome para a Vista de relatórios.
3 – Convém incluir o termo “User ID” no nome para ajudar a lembrar você de que essa é uma vista de User-ID especial.
4 – Selecione um Fuso horário do relatório.
5 – Em Mostrar relatórios de User-ID, defina o seletor como ATIVADO.
6 – Clique em Criar.

Não é possível converter vistas de User-ID em vistas padrão, da mesma forma que não é possível converter vistas padrão em vistas de User ID. Somente novas vistas adicionadas a uma propriedade ativada de User-ID podem ser designadas como vistas de User-ID.

Todos os relatórios de uma vista de User-ID exibem dados de sessões com um User ID atribuído, e os dados relacionados são enviados para o Google Analytics. Use uma vista diferente para ver os dados de sessões em que um User ID não é enviado para o Google Analytics.

Visualize os relatórios

Os relatórios estarão disponíveis em: Público > Todos os dispositivos

Use o email com md5 no userid do google analytics

Para mais informações, acesse: Ajuda do Google Analytics: Configurar o User-ID

https://support.google.com/analytics/answer/3123666?hl=pt-BR

 

E aí?

O que está esperando para testar?


Você conhece alguém que adoraria receber essas dicas?

Então faça um favor para ela (e para mim) e compartilhe essa dica.

Você pode compartilhá-lo no Facebook, Twitter, ou até mesmo copiar a URL desse artigo e enviar para quem precisa dele.

E, para finalizar, eu adoraria saber a sua opinião.

Deixe um comentário logo abaixo sobre o que você mais gostou, ou sobre alguma dica extra que você deseja compartilhar conosco ou até mesmo alguma crítica sobre este artigo.